Sobre a Filatelia

Quando que era criança meu pai me mostrou um álbum de coleção. Era uma coleção incrível de selos. Apesar de não ser uma obsessão meu pai sempre cuidou com atenção da sua coleção. Depois que me interessei por coleções e por história passei a observar mais de perto a coleção dele e até mesmo juntar alguns selos para a coleção. Adorava olhar os selos com os personagens da Disney e alguns com formato diferente que vinham de outros países. Amo os selos da Ilha de Páscoa que ele tem. Infelizmente a coleção não está aqui comigo senão ia rolar muitas e muitas fotos! Mas nas férias farei um novo post sobre isso!


Mas o que é Filatelia?

No Wikipédia:

Filatelia é o estudo e o colecionismo selos postais e materiais relacionados. A filatelia tem várias áreas de estudo, a saber: filatelia tradicional, história postal, pré-filatelia, marcofilia, inteiros postais, filatelia temática, aerofilatelia, astrofilatelia, maximafilia, filatelia juvenil, literatura filatélica, selos fiscais, classe aberta um quadro O objetivo deste hobby é selecionar selos para compor uma coleção, que pode ser geral ou temática. Existem coleções que além dos selos possui informações sobre o tema, parâmetro utilizado por muitas pessoas nas coleções temáticas.

Resumindo: é o estudo dos selos postais e materiais relacionados. Todos os selos envolvem história, economia e uma visão de sociedade das épocas em que são impressos.
O primeiro selo impresso data de 1840 e surgiu na Inglaterra. Naquela época era bem caro enviar uma carta e as tarifas dependiam do peso da correspondência e da distância do destinatário, e fazer essa conta era uma tarefa bem complicada. Geralmente quem pagava pela entrega da carta era quem a recebia: o destinatário. E alguns se recusavam a pagar dando um preju pros correios. Então um administrador e educador chamado Rowland Hill sugeriu que se aderissem à um preço único para o cálculo das correspondências. E o papel adesivo colado à carta sugeriria que ela já estava paga. O selo de 1 penny valia para cada 15 gramas de correspondência. O primeiro selo então seria conhecido como Penny Black e nele estava impresso o rosto da Rainha Vitória.

No Brasil, o primeiro selo a circular foi o "Olho de Boi", em 1843. Eram impressos nos valores de 30, 60 e 90 réis. Os "Olhos de Boi" tem uma impressão circular com o número de valor e eles pareciam muito uma moeda. Os selos de 30 réis eram pra pequenas distâncias, os de 60 para distancias intermediárias e os de 90 réis eram pra correspondência internacional.


O mais valioso

Em 2014 um selo foi vendido por aproximadamente 29 milhões de reais! O One Cent Magenta data de 1856 e foi impresso na Guiana, na época uma colônia britânica. Devido à falta de selos na colônia foram impressos, por um tipógrafo local, alguns selos para que a manutenção do serviço dos correios. Como a impressão ficou bem simples todos os selos vendidos deveriam ser assinados pelos funcionários. Ele foi impresso num papel avermelhado e tinha um veleiro como desenho.


Hoje em dia eu troco cartas com várias penpals e fico muito feliz quando recebo um selo diferente! Já parou para pensar na história que vêm carregadas junto com eles?

Você já conhecia sobre filatelia? Quer saber mais? Me conta!

XoXo,
Grazy

12 comentários

  1. Eu não sabia que tinha este nome. E nunca parei para pensar na história de cada um, achei super interessante e quem diria que um selo custaria uma fortuna haha, legal.
    Charme-se

    ResponderExcluir
  2. Eu colecionava postais sabia? eu adorava hahahaa mas depois, não tinha o que fazer, queria por eles nas cartas mas os Correios bobos não deixavam então larguei rss
    To passando e avisando que, te indiquei num premio mar lindo de lindo ehehee depois da uma passada no blog para conferir.
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Fer! Logo vou lá conferir, muito obrigada! ♥

      Excluir
  3. Oi Grazy, o meu avô colecionava e tinha álbuns incríveis. Amava ficar vendo os mais diferentões quando eu era criança. Agora nem sei onde foram parar esses álbuns, tenho que pesquisar. :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pesquisa e tira umas fotos se encontrar. Vou adorar ver!

      Excluir
  4. Eu não sabia que existia um nome para essa "paixão".
    Eu já colecionei alguns, mas foram poucos se comparado a coleção do seu pai e de outras pessoas rs". Eu achava lindo! Depois passei para os cartões telefônicos, lembra? hahahahahahahha
    Amei saber mais a respeito e fiquei com vontade de ver a coleção de vcs <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu acho maravilhoso! Ainda vou fotografar sim Clay! Meu tio colecionava cartões, mas infelizmente é uma 'arte' que acabou esquecida, já que não usamos mais os cartões. Mas tinha alguns bem legais! Beijos

      Excluir
  5. QUE DAHORAAAAAAAAA!!!!!!
    Deve ser muito bacana colecionar selos! Eu colecionava cartões telefônicos, hahahaha mas por motivos óbvios isso se perdeu rssss
    Vc tem mtos penpals??? =D adorei =D

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tenho alguns Penpals Chell, quer ser? Vem!!!

      Excluir
  6. Que legal esse post, Grazy! Meu pai também tem uma coleção de selos! Ele tem até um caderno especial, que usava para guardar seus selos. Até que durante algum tempinho na adolescência eu inventei de colecionar também, aí ele me deu o caderno. Acabei devolvendo pq eu desisti, hehe. Mas muito legal o post e quero ver fotos da coleção do seu pai! E apenas CHOCADA com o valor desse selo!!

    Um beijo! ♥
    www.daniquedisse.com.br

    ResponderExcluir