Filmes Favoritos: Tarantino

Eu não lembro ao certo, mas foi lá pelo ano de 2009, quando eu conheci meu marido, que eu conheci os filmes do Tarantino. Na época assistíamos muitos filmes e no meio desses todos eu conheci Bastardos Inglórios e Pulp Fiction (não lembro em que ordem). Daí meu amor somente cresceu. Lembro de ter assistido boquiaberta o episódio de CSI que Quentin dirigiu. Nesse episódio Nick é sequestrado e todo o episódio é marcado pela identidade forte do estilo de QT. Amo esse episódio ♥.

Ainda estou descobrindo alguns dos filmes dele, confesso, então hoje vou listar os meus três preferidos!

Bastardos Inglórios - 2009

Eu sou tão, mas tão apaixonada por Bastardos que eu comprei o DVD entre 2009/2010! Nesse filme temos como cenário a Segunda Guerra Mundial. A campanha de Hitler está no auge e a França encontra-se ocupada. No outro lado temos um grupo de "mercenários" que caçam nazistas e tem um estilo bem cruel e vingativo. E em mais um cenário temos uma judia que, sob outra identidade, se vê frente a possibilidade de vingar-se de muitos nazistas. Gosto muito da forma como essa história toda tem uma ligação e como as coisas se encaminham. Gosto do sangue jorrando com aquele estilo pastelão super exagerado dos filmes do QT. Até mesmo a mudança no cenário histórico real me atrai. Adoro todos os personagens, mas destaco o Brad Pitt, o meu crush Christoph Waltz e o talentoso Daniel Brühl. Pouco do filme é em inglês, sendo o alemão e o francês muito mais explorado. Detalhes que só melhoram a qualidade da história e do filme.


Django Livre - 2012

Assisti  Django no cinema. E adorei. Não sei dizer o que mais amei nesse filme além da história, óbvio. A fotografia, os cenários, a trilha sonora. Aqui temos uma história se passando nos EUA durante a época da escravidão e dos caçadores de recompensa. Django é comprado e libertado pelo Dr. Schultz, que pede ajuda a este para encontrar alguns bandidões. Django se torna um "negro caçador de recompensa" e ao lado do Schultz parte em busca da sua amada Brunhilda. Eles conhecem então Calvin Candy, que é o proprietário de uma enorme fazenda e atual dono de Brunhilda e um sádico amante de violência, contra escravos obviamente.  Aqui brilha novamente Waltz, que levou seu segundo Oscar (o outro por Bastardos). Leonardo DiCaprio merecia um prêmio pelo Candy também. E Jamie Foxx arrasou na pele de Django. Outra estrela foi Samuel L. Jackson, quase irreconhecível. Destaque para a cena onde o fazendeiro "Paizão" junta seus homens para matar Schultz e Django.


Os Oito Odiados - 2016

É um outro faroeste, mas ele é mais parado que Django. O filme se passa após a guerra civil no Wyoming. Durante uma nevasca o caçador de recompensas Ruth, que está levando uma criminosa para a cidade, é parado por um negro na estrada, um também caçador de recompensas chamado Warren e posteriormente por um homem, futuro xerife, chamado Mannix. Como a nevasca piora eles precisam abrigar-se no Armazém da Minnie, uma parada para carruagens. Chegando lá eles encontram outros quatro homens e a Minnie está fora. Cenário suspeito demais para Warren. Então os oito ficam presos na cabana e tudo vai bem até que alguém envenena o café. Ai por diante é tiro, porrada e sangue jorrando, mas de uma forma bem lenta, diferente dos outros filmes. Gostei muito dos diálogos criados, da construção dos personagens e principalmente de um outro ponto de vista dos acontecimentos. Samuel L. Jackson cresce novamente ao lado de Kurt Russel e Walton Goggins (que foi um dos capangas destaque de Candy em Django). O filme é longo e bem mais parado, porém eu adorei esse estilo, os diálogos me prenderam e do meio pro final ficamos bem interessados no que está acontecendo na tela. Adoro faroeste e por mim QT faria mais e mais!



Esses são os meus três preferidos. Ainda estou conhecendo a filmografia e dos que eu assisti que é uma produção dele e eu odiei foi O Albergue. Agora estou esperando a nova produção que vai contar a história de Charles Manson e os seus seguidores. Vamos ver no que vai dar.

Você curte o estilo? Conta aqui pra mim!

XoXo,
Grazy

2 comentários

  1. Olha, é claro que eu já ouvi falar de QT, mas acredita que só assisti Bastardos Inglórios? Eu gostei muito do filme, mas acabei não me interessando em assistir aos outros filmes de QT, não sei bem o motivo. Mas esse seu post é uma ótima inspiração, viu! Vou colocar na lista para ver as suas outras duas recomendações. :D

    Um beijo! ♥
    www.daniquedisse.com.br

    ResponderExcluir