Diário Ninja #1: Entrei para a academia!

Se tem algo que eu morro, mas morro de preguiça é me exercitar. Sair de casa pra suar, caminhar, correr, mesmo que na praia como cenário estimulante... Morria de preguiça. Porém, meu corpo gordo começou a incomodar. Não pela aparência, mas pela dor. Fazer uma faxina se tornou doloroso pras minhas pernas e lombar e nem cheguei nos 30 ainda! Apesar de não curtir dieta já venho a algum tempo tentando cozinhar mais, comer um pouco melhor, mas sem passar vontade! Pra continuar comendo o que se tem vontade decidi me mexer, para valer!

Dizem que quando buscamos "ajuda" é pela dor ou pelo amor e acabei me matriculando numa academia.

Me matriculei numa academia porque por mais estimulante que a praia seja tem dias frios e chuvosos que te impedem de se exercitar. E eu não queria mais desculpas. Na academia não chove e você até pode chegar com frio, mas acaba se aquecendo (e sem pegar vento). Fiz um pacote de um ano, assim, pagarei por 12 meses e, quando me faltar estímulo tenho que pensar que "tô pagaaaaaano" e dinheiro não se joga fora.

Aqui em Balneário Camboriú tem dezenas de academias e haviam me indicado muitas. Apesar de querer fazer natação, essa modalidade não cabe no meu bolso. Acabei optando por uma academia feminina, me familiarizei com o espaço e percebi que ali eu não precisava ficar envergonhada por não ser uma musa fitness. O preço mensal do pacote anual coube no meu bolso, mas vou ter que fazer algumas concessões. Escolhi uma academia para mulheres e não me arrependo em nada. Quando fiz a avaliação falei pra avaliadora que eu não me importava em ser gorda e que meu foco não era emagrecimento, mas fortalecimento muscular e alongamento da coluna (tenho escoliose). Sinto muitas dores nos afazeres domésticos então precisava fortalecer. Se perder peso é lucro! Recebi três treinos para fazer, que incluem força, aeróbico e musculação.

Como foi:

  • Primeira semana: Fiz 1 hora de caminhada rápida na esteira, durante 4 dias.
  • Segunda Semana: no primeiro dia fiz o treino A e senti muitas dores. No segundo dia fiz meia hora de esteira e meia hora de alongamento. No terceiro dia foi feriado e por sorte, porque eu não conseguia caminha! Haha, fiquei tipo uma pata, toda entrevada. No quarto dia fiz o treino B e no quinto dia 1 horinha de esteira.
  • Terceira semana: Fiz treinos em 4 dias, fiz uma pausa na quarta e fiz somente esteira.
  • Quarta semana: comecei a ir pela manhã cedinho e decidi manter uma rotina. Na segunda o treino A, terça treino B, quarta Pilates, quinta treino C e sexta Zumba. Na sexta feira da quarta semana eu fiquei bem gripada e acabei faltando :/.
  • Quinta semana: Consegui ficar dentro da rotina semanal certinho e fiz Zumba na sexta. Apesar de a Zumba apresentar alguns exercícios de impacto eu consegui adaptar.
Estou no meio da sexta semana e já sinto muitas diferenças no meu corpo. Continuo comendo o que quero quando tenho vontade, só me policio pra comer menos, haha. Como o meu açúcar tende a diminuir durante os exercícios preciso comer algo antes de me exercitar. Inseri fruta também. Não sei se emagreci alguma coisa em números, vou me certificar na avaliação trimestral. Porém sinto um pouco menos de inchaço na região do quadril, as calças antes apertadas estão um pouco mais confortáveis. Também percebi uma diferença enoooooooorme em relação ao condicionamento físico. Antes eu levava duas horas para completar o treino A, hoje termino em menos de 1 hora e meia. Parece pouco mas não é! Me sinto menos cansada ao caminhar, aumentei algum peso em alguns aparelhos e não sinto tantas dores pós-treino. Os afazeres domésticos não tem me judiado muito, não sinto mais tantas dores na lombar como antes. Estou no caminho certo!

Então é isso povo. Queria dividir a experiência com vocês! Quem sabe em breve venho contar mais.

XoXo,
Grazy

16 comentários

  1. Fico tão chateada quando, por algum motivo, tenho que parar de ir a academia. Sempre fui adepta aos exercícios físicos, mas por questõe$$ pessoais precisei parar por três meses. Retornei há um e é como se a felicidade fosse em forma de anilhas rs.

    Tenha foco e todo seu objetivo será alcançado.
    beijos
    http://jurodemindinho.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O que realmente me impedia eram as questões pe$$oais, hahahaha.
      Beijos Lau ♥

      Excluir
  2. Grazy
    Vou começar com: amei sua cartinha!
    Estou pra te responder, assim como, aparecer com mais frequencia aqui!
    Adorei saber da academia, porque saúde é tudo de bom!

    Beijos♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aguardando a cartinha, hahahahahaha.
      O jeito é fazer academia, pq dieta odeio!
      Beijoooos Verinha ♥♥

      Excluir
  3. Que coisa boa de se ler num sabado pela manhã! Adorei! Exercicios fisicos são qualidade de vida, vindo de uma educadora fisica em graduação era de se esperar que eu amasse ler seu post. Pois muito bem, está sim no caminho certo! E espero que continue!
    Beijão flor, www.desapegaadri.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Adri! Está sendo muito bom! Se fico sem ir já sinto falta, hihi.
      Beijos

      Excluir
  4. Eu morro de preguiça de exercício também! Todo mundo só fala das vantagens, e por mais que eu já tenha considerado, nunca cheguei a me matricular. Meu foco também seria o fortalecimento e não o peso. Um dia eu vou tomar coragem e começar, vou levar o dinheiro gasto como motivação pra não desistir, haha. Mas acho que depois você acostuma e acaba gostando, não é?

    Beijos!
    Vestindo o Tédio

    ResponderExcluir
  5. Que ótimo Grazy! Atividade física é uma alimentação consciente, não dietas de nenhum tipo e cortes radicais, são o caminho. Apesar de ser formada em Educação Física, detesto o ambiente de academia, mas é coisa minha, afinal o melhor local para encontrar a tal "ajuda" é nela.
    Continue, pois os benefícios aumentarão com certeza.
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu não gosto do ambiente, demorei pra encontrar um que eu me sentisse bem.
      Beijos Rita!

      Excluir
  6. Oii Grazy, lendo o seu post me identifiquei muito, pois sou gorda e não quero fazer academia para emagrecer, quero para ficar bem comigo mesma e melhorar meu sedentarismo que esta gritando. Eu tenho lordose e sei bem o que sente, quando tem que fazer os serviços domésticos. Ainda não faço academia, mas pretendo me matricular em breve. Adorei o post.
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Faça mesmo Li! Podemos compartilhar nossas experiências juntas!
      Beijos

      Excluir
  7. Grazy, que alegria, isso é uma vitória das grandes para comemorar!!
    Também estou vivendo esse momento mágico que é aprender a cuidar do meu corpo e respeitá-lo. Me apaixonei por essa sensação boa que a atividade física nos dá. Tem sido importante para resgatar a minha auto-estima e auto-confiança. Mais do que qualquer outra coisa na vida!! Nunca acreditei tanto no meu potencial. Nunca. E sei que tudo isso vem da prática de atividades físicas. Olha, depois de viver essa experiência (eu, que sempre fui sedentária a vida inteira), concluí que todo mundo deveria fazer uma atividade física diariamente por toda a existência!! :)
    Um beijo grande!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Experiências boas pra vida toda! Beijos Alice!

      Excluir
  8. Grazy, entrei na academia na metade de julho pelos mesmos motivos que os seus, ainda sinto dor, tenho dificuldade em acertar a respiração, mas a gente vai melhorando aos poucos. Tô aqui pra te apoiar e dizer que tô na mesma que você, quem sabe um dia a gente consiga sentir menos dores e deixar os exames de sangue puro orgulho! Hahahaha
    PS. Indiquei seu Blog no Blog Day desse ano <3
    Beijos e vamos q vamos!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Lua, sua linda! Vamos que vamos por uma vida mais saudável! Eu vi a indicação, amei de coração!
      Beijos

      Excluir